quinta-feira, 19 de Maio de 2011


Marc Chagall, O mito de Orfeu


"Orfeu rebelde, canto como sou:
Canto como um possesso
Que na casca do tempo, a canivete,
Gravasse a fúria de cada momento;
Canto, a ver se o meu canto compromete
A eternidade no meu sofrimento."

Miguel Torga, Orfeu rebelde

2 comentários:

jp disse...

Melhor pintor de sempre:D

Lady Candlelight disse...

Eu não tenho nenhum de eleição, gosto apenas de apreciar!!